3D infomática
22 de Janeiro de 2014 - 14:52:02

Rapidinha: 4 Mentiras sobre relacionamento que contaram pra gente.

Na Rapidinha de hoje, com o intuito de ajudá-lo a não cair nessa teia de insatisfação e cara de bunda, resolvemos desmistificar algumas das mentiras sobre relacionamentos que te contaram por aí.

 

Fonte: Casal Sem Vergonha

Muita gente não faz por mal, mas acaba conduzindo o relacionamento amoroso da pior maneira possível. Isso acontece, em grande parte, por causa da crença universal de que os parceiros são propriedades um do outro. A partir daí, desencadeiam-se diversos erros que, ao longo do tempo, se tornam motivos para brigas frequentes.

Na Rapidinha de hoje, com o intuito de ajudá-lo a não cair nessa teia de insatisfação e cara de bunda, resolvemos desmistificar algumas das mentiras sobre relacionamentos que te contaram por aí. Olha só:

1. O ciúme é o perfume do amor.

Não. Não é. Nunca foi e nunca será. Ciúme é um sentimento egoísta de gente que não consegue aceitar que o outro possa ser feliz sem ela. E embora ele seja um sentimento tão mesquinho, é normal senti-lo – todos nós o sentimos, é inevitável. A diferença está na forma como você lida com o ciúme. Tem muita gente com idade mental de sete anos que acha que provocar ciúme é uma forma de conseguir a atenção do parceiro. Ou que dá barraco só porque a menina sorriu para o barman quando foi pedir uma caipirinha. Sentimos informar, mas esse é o caminho exato para levar seu relacionamento para o buraco. Pense que o outro nunca te pertenceu – ele está com você porque quer – e entenda que esse tipo de coisa só serve para estragar a sua relação.

2. Amar é unir dois seres num só.

Aposto que, antes do(a) seu(sua) namorado(a) entrar na sua vida, você já tinha muita história pra contar. Então pra quê deixar todo o seu passado, os seus hábitos, os seus hobbies e os seus amigos de lado por causa de um amor? Por que deixar jogar o sagrado futebol com os amigos? Por que deixar de frequentar as sessões de papo calcinha com as amigas? Agora você tem um(a) companheiro(a), certo. Mas, ainda assim, vocês são pessoas diferentes, com interesses diferentes. Nada de deixar de ser quem você era para agradar quem quer que seja. Nada de compartilhar senhas pessoais com o(a) seu(sua) namorado(a). Manter a individualidade das duas partes é essencial para que um relacionamento corra bem.

3. Agora que você arrumou um chinelo pro seu pé descalço, não precisa mais se cuidar.

Sabe aquela máxima de que namorar engorda? Ela tem muito a ver com isso daí. Você era solteiro(a) e saía a caça todos os finais de semana procurando alguém com quem transar. Seu cartão de visitas era a sua aparência. Você ia à academia, se preocupava em manter o cabelo sempre bem cortado, usava roupas que valorizavam sua silhueta. Até que você começou a namorar. E, gradativamente, foi deixando de se cuidar. Primeiro, o perfume venceu e você não usou nem um terço do frasco. Segundo, a pancinha de cerveja e sedentarismo começou a crescer. Terceiro, você sai para jantar com ele(a) como se estivesse indo ao mercadinho da esquina comprar miojo. Amigos alertam: ser desleixado é uma boa forma de abrir pra concorrência.

4. Se ele(a) é seu(sua) namorado(a), não fez mais do que a obrigação.

Gentilezas foram feitas para serem retribuídas. Ou pelo menos reconhecidas e agradecidas. Não é porque ele é seu namorado que tem como obrigação buscá-la todas as noites na faculdade. Não é porque você está em um relacionamento sério com ela que não deve enxergar o quanto ela se dedicou para cozinhar aquele seu prato preferido. Agradecer faz bem – e juramos: um ‘muito obrigada’ não tira pedaço e nem dá trabalho. Mas retribuir é melhor ainda. Se o(a) seu(sua) parceiro(a) fez algo positivo por você, procure fazer algo positivo por ele(a). Nem que seja fazê-lo(a) sorrir com uma piadinha boba num dia de mau humor .

 

O conteúdo dos artigos, não expressa necessariamente a opinião do Portal Patyeventos, sendo de inteira responsabilidade do autor.

Comentários

Preencha os campos abaixo corretamente e aperte Enviar.
Um valor é requerido.
Um valor é requerido. Formato inválido.
Um valor é requerido. Um valor é requerido. O valor excedeu o número de caracteres.

CAPTCHA

Um valor é requerido.
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

São Ludgero - Santa Catarina

(48) 9978-9300 - patricia@patyeventos.com.br

Como Contratar

©2012 - Paty Eventos - Todos os direitos reservados